noComentários

O que é necessário para se tornar um corretor de imóveis?

Escolher uma área de atuação não é tarefa simples, já que há tantas interessantes como design de produtos, que pode trabalhar em uma grande indústria de display em acrílico, por exemplo, publicidade, entre outras.

No entanto, com o crescimento do setor imobiliário, uma profissão tem ganhado destaque: o corretor de imóveis, que pode trabalhar tanto de forma autônoma como em imobiliárias, o que confere mais liberdade de atuação.

Tem interesse nessa profissão? vamos contar o que é preciso para ingressar na carreira. Siga conosco e confira o conteúdo a seguir. 

Requisitos essenciais para ser um corretor de imóveis

Para entrar em uma área em que é possível vender imóveis para pessoas físicas e empresas dos mais diversos setores, como, por exemplo, uma indústria especializada em compressor de ar pistão, é necessário preencher alguns requisitos básicos: idade superior a 18 anos; ensino médio completo; curso técnico ou graduação em áreas do setor, registro no CRECI e realizar o estágio.

O curso técnico mais comum exigido é o técnico em transações imobiliárias, mas há outras formações que o interessado pode escolher realizar, como:

  • Ciências Imobiliárias;
  • Gestão imobiliária;
  • Negócios imobiliários.

A recomendação para quem deseja ter mais oportunidades é obter o máximo de conhecimento para desenvolver melhor as habilidades.

Agora, não esqueça de solicitar o registro junto ao CRECI para ser um profissional regularizado. Para o registro, é preciso apresentar documentos, como CPF, RG, título de eleitor, comprovante de residência, certificados e diplomas. Também é necessário efetuar o pagamento da taxa de inscrição e enviar o comprovante.

7 dicas para ser um corretor de êxito

  1. Seja expert em questões técnicas: assim como um consumidor no momento de comprar um equipamento específico, como uma mangueira de incêndio, exige que o vendedor tenha amplo conhecimento técnico sobre o equipamento, é preciso que o corretor entenda profundamente todas as questões técnicas e também legislativas sobre o processo.
  1. Faça network: quanto maior a rede de relacionamento, mais oportunidades de encontrar potenciais clientes. Além disso, ajuda a formar parcerias estratégicas.
  1. Desenvolva competências de negociação: um corretor de imóveis para ter sucesso precisa de habilidades em negociação, pois estará intermediando compra, venda e aluguel de imóveis com os mais diversos perfis de pessoas.
  1. Saiba ouvir: uma das principais formas de identificar as necessidades do cliente é estar atento ao que ele diz. Com isso, o profissional tem mais possibilidades de encontrar soluções ideais e contornar possíveis objeções.
  1. Mantenha-se atualizado: é fundamental que o corretor esteja sempre atualizado sobre o mercado imobiliário bem como realizar cursos relacionados à área e participar de eventos do segmento.
  1. Gerencie bem o tempo: é comum que o profissional esteja em constante deslocamento, o que exige organização do tempo para evitar atrasos em reuniões com clientes.
  1. Tenha satisfação com o que faz: uma das formas de obter êxito na carreira é ser satisfeito com que realiza, portanto, amar o que faz é imprescindível.

Esperamos que o nosso artigo possa ter explicado como se tornar um corretor de imóveis e o que é necessário para se dar bem nessa profissão promissora. Se gostou do conteúdo, não se esqueça de compartilhar em suas redes sociais

Responder