noComentários

Planejamento financeiro: Vantagens e como fazer

O planejamento financeiro faz parte de uma boa gestão, pois por meio dele, a empresa consegue ter previsibilidade, algo de suma importância para manter a margem de lucro como para promover melhorias, seja em serviços, como outsourcing de impressão ou na produção de equipamentos.

Além de muito importante para organizações, o planejamento econômico também é fundamental para o controle financeiro pessoal, que vale tanto para quem trabalha em empresa ou empreendedor.

Há ainda outras vantagens do processo. Continue a leitura para ver as principais e como fazer um planejamento financeiro eficiente.

5 benefícios do planejamento financeiro

  1. Decisões mais assertivas: um dos principais benefícios do planejamento financeiro é que ele auxilia na tomada de decisões estratégicas para os negócios, como ampliar o portfólio de produtos, que é válido para organizações como as que lidam com equipamentos de combate a incêndio, que precisam atender a necessidades de empresas de diferentes perfis.
  1. Diminuição de custos: um bom planejamento financeiro ajuda e muito na redução de custos, pois com ele evita-se gastos desnecessários e assim, a empresa ou a pessoa, concentra-se nos custos realmente importantes.
  1. Atrai investidores: quando um investidor resolve aportar em uma empresa, ele certamente leva em conta na sua decisão a saúde financeira da organização, bem como o seu plano financeiro a longo prazo.
  1. Contém imprevistos e riscos mercadológicos: fatores externos como economia instável, que pode elevar os preços, são mitigados com a previsibilidade dada pelo planejamento financeiro.
  1. Pode aumentar o ROI: o retorno sobre investimento, o ROI é questão avaliada em empresas de praticamente todos os setores e é um dos resultados de um planejamento financeiro bem feito.

7 dicas de como fazer um bom planejamento financeiro

  1. Faça comparação de preços constante: especialmente empresas que precisam comprar matérias-primas com frequência, como é o caso de fabricantes de peças industriais como discos de corte, é importante realizar a análise dos fornecedores e comparar preços para obter redução dos custos.
  1. Estabeleça metas e objetivos: como qualquer outro tipo de planejamento, o financeiro prevê a definição de metas e objetivos, a curto e em longo prazo. Construir indicadores também é relevante nesse processo para avaliar os resultados com precisão.
  1. Levante todos os custos: para a criação de um planejamento econômico eficiente é preciso analisar a realidade financeira, que engloba todos os custos fixos e variáveis. Com isso, obtém-se uma panorama que serve de base para a elaboração do plano.
  1. Separe um capital para imprevistos: seja na empresa ou nas finanças pessoais, os imprevistos acontecem e os riscos de prejuízos são atenuados com o estabelecimento de um capital direcionado à urgências.
  1. Utiliza softwares de gestão financeira: as soluções tecnológicas em gestão financeira são ótimos investimentos para quem deseja ter um plano financeiro que dê visão do presente e futuro.
  1. Conte com o apoio de profissionais contábeis: no caso de empresas, ter um profissional contábil confere mais segurança na relação de despesas, no qual pode-se até mesmo reduzir o pagamento de impostos como boa avaliação.
  1. Verifique o planejamento com frequência: o planejamento financeiro não é algo que se faz e depos deixa de lado, é importante acompanhar com constância cada processo estabelecido bem como metas e objetivos.

Esperamos que esse conteúdo possa ter convencido sobre a importância do planejamento financeiro, elementar para o controle econômico seja da empresa ou das finanças pessoais. Continue  nos seguindo para mais dicas de economia.

Responder